Dicas básicas de New York

Em três dias em NY, não fiquei parado um minuto sequer. Visitei uma boa parte da cidade, mas é muito pouco do que a cidade tem a oferecer. Nova York é uma cidade global e você vai sentir isso logo quando pisar lá.

New York – Dicas Básicas

Intro – Como fui parar lá.

Desci em Nova York pelo aeroporto Newark. Eu tinha acabado de voltar para o Japão e tinha feito um esquema útil e necessário de quem volta do oriente – um pit stop. Apesar de NY estar longe de Tokyo, ainda assim é muito mais perto do que daqui no Brasil. E se você souber pesquisar, a passagem pode ainda mais barata do que se você fosse direto. No meu caso, ficou 300 reais mais barata. Como a maioria dos voos para o Japão – pelo menos os que eram baratos – passavam pelos States, eu resolvi visitar uma cidade que não tive tempo da outra vez que estive lá. NY foi uma escolha óbvia.

Aeroportos

Existem três aeroportos principais em NYC, sendo que o Newark e o JFK são mais utilizados para voos internacionais.

plan_arrondissement_new_york

Se você observar, o mais perto do centro de NY é o de LaGuardia. Mas é difícil chegar por ele, a não ser que você venha de outro Estado americano.

Como eu disse, eu desci em Newark, que é mais utilizado para voos internacionais. E entre as opções de chegar ao centro da cidade, eu achei a melhor pegar um ônibus da rodoviária até a Penn Station, que fica em Manhattan, e de lá pegar um trem até a proximidade do meu Hostel. Em outros sites você pode pesquisar opções como Táxi (mais caro, mas melhor para grupos), Shuttle e Trem direto.

Detalhe: Táxi é com gorjeta, em média de 10% a 15%. Se prepare para não passar vergonha e ver alguém de cara feia para você se você não pagar.

O que é Nova York? Onde fica?

Volte novamente ao mapa acima. Aquilo que as pessoas normalmente acham que é Nova York é a ilha de Manhattan, mas ela inclui também o Bronx, o Queens, o Brooklin e Staten Island. Mas a confusão não é por menos, 90% das atrações turísticas são em Manhattan… Também por isso é o melhor lugar para se hospedar.

Vamos dar uma olhada na Ilha:

map_manhattan

 

Como você pode ver, tem MUITAS atrações só em Manhattan. O que mais chama a atenção – a Estátua da Liberdade, o Empire State, o One Trade World e o Central Park. Para mim, este último é surpreendente. O Parque é muito bem cuidado. Ok, pequenas introduções feitas, eu vou dizer a mesma coisa que eu ouvi e li antes de ir para lá.

Os melhores lugares para ficar são ao redor do Central Park e um pouco abaixo dele, perto da Times Square, e as ruas até a 90th Street.

Mas eu segui isso? Não! Não tive escolha. Eu fiquei no Broadway Hostel, na Rua 101. E o que as pessoas querem que você evite são os lugares considerados mais “pobres” de NY. De fato, onde eu passei não tinha nada demais e a qualidade das moradias é muito superior ao que se vê em média no Brasil. Passei por algumas quadras de basquete comunitárias e inclusive fui convidado a jogar com os manos. Mas eu tava muito cansado e cheio de mala, fui para o Hostel diretamente.

Broadway Hostel. A diária foi caríssima: cerca de quase 60 dólares por dia, mesmo ficando em dormitório. Sem café da manhã. Ok, caríssima nem tanto para NYC. Mas para quem quer hospedagem mais barata certamente tem outras opções. NYC é concorridíssima, escolha com a máxima antecedência possível.

superior_dorm
Dormitório do Broadway Hotel

Se você pesquisar bem, vai ver que a nota dele é muito boa (4,1 de 5). Eu achei ele de razoável para bom. Não tive problemas com os quartos e outros hóspedes. Mas de todos os quartos que eu já visitei até hoje, ele é o mais simples, e tem as camas menos confortáveis, daquelas que rangem.

O site deles é: http://www.broadwayhotelnyc.com/

O endereço: 230 West 101 Street. Estação de Metrô mais perto: 103 st.

 

O metrô de NYC

Vou me resumir à Manhattan, mas apresentar o mapa da cidade toda:

nycmap

 

Complicado não é? Acho que a melhor forma de se guiar é utilizando o Central Park como referência, é o bloco verde na ilha a esquerda. Coisas que você precisa saber: mais de um trem passa na mesma estação, com direções diferentes. E o metrô de NYC é antigo e sujo, tanto por dentro como por fora. Mas os moradores não se importam.

O que mais você precisa saber:

As ruas de NYC começam a ser numeradas de baixo para cima.

Penn Station, que é como a estação central de NYC, fica na 34 st. As linhas azul e vermelha passam lá. Ambas levam à grande parte dos lugares que você pode querer visitar, diretamente ou através de uma conexão simples.

A Times Square fica na 42 St.

A Broadway fica entre as ruas 40 e 57.

Em NYC você pode comprar um “bilhete único” o Metro Card e carregá-lo a vontade. Achei incrível o fato de ele funcionar perfeitamente nas antiquíssimas catracas da cidade.

Você pode comprar um metrô Card ilimitado e usar durante 7 ou 30 dias. Apesar de que se você for fazer um esquema mochileiro, eu digo que é bem tranquilo visitar muitos lugares a pé.

Além disso, você pode comprar o passe de um daqueles ônibus turísticos que te permitem dar um rolê na cidade inteira. É interessante que são várias operadoras destes ônibus, todas competindo para sugar seu dinheiro ter você como cliente. Não é barato a não ser que você visite vários lugares no mesmo dia.

Fotos do meu primeiro rolê na cidade:

A famosa Times Square, que nada mais é do que a 42 St. É a avenida mais famosa dos States, e acho que até do mundo. E parece que cabe todo o mundo lá mesmo:

DSC02432

 

O famoso Empire State Building:

DSC02445

 

A arquitetura típica de Nova York: a grande maioria dos prédios é antigo, grosso (para evitar os incêndios que eram muito comuns no século retrasado, o vento que vem do mar e a neve que as vezes pode cair impiedosamente.

DSC02446

 

 

O One World Trade Center, construído no lugar das torres gêmeas, e é maior do que elas.

DSC02451

O famoso Touro de Wall Street. Dizem que passar as mãos nas bolas dele pode lhe trazer boa sorte. Não é a toa que essa parte dele é a mais desgastada.

   DSC02471

 

No próximo post eu falo um pouco mais dos passeios.

4 thoughts on “Dicas básicas de New York

  1. Olá, adorei sua história. Gostaria de saber se vc conhece alguém ou alguma imobiliária em NY pois quero ficar 15 dias mas alugar um pequeno apto. Bjs

  2. Olá! estive em NY em Julho de 2015… uma grande metrópole aonde fui matar minha curiosidade….uma loucura!!! Vale a pena conhecer o Museu de Arte Natural próximo do Central Park e o Museu do 11 de Setembro, os americanos são tão sensacionalistas que conseguiram me emocionar o tempo que permaneci dentro do Museu!
    Em relação aos metros é bom conhecer para aprendermos a valorizar uma das inúmeras coisas que o Brasil tem de bom, pois jamais ninguém havia comentado comigo que o metro é bem antigo, é quente demais as estações e fede absurdo, ficam anos Luz para trás do metro de SP.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.